Gripe, coronavírus e pneumonia: qual é a diferença entre eles? Como se prevenir do COVID-19?

Saiba como se prevenir do novo coronavírus e entenda a diferença entre essa doença e as formas comuns de gripe ou pneumonia.

Quando o assunto é coronavírus, não podemos negar que a situação está preocupante, chegando à nível de pandemia mundial.

Em muitos estabelecimentos, sequer encontramos máscaras ou álcool em gel para se proteger desse novo vírus.  E por não entender a diferença entre gripe, coronavírus e pneumonia, muitas pessoas estão se desesperando até com pequenos espirros e sintomas de resfriado.

Para reduzir essa problemática, vamos explicar a principal diferença entre pneumonia, gripe e coronavírus, conferindo dicas para se prevenir em meio à infecção mundial.

Siga a leitura até o fim!

Coronavírus ou gripe?

Causada por uma família de vírus que gera infecções no trato respiratório, a COVID-19 (coronavírus) está preocupando todo o planeta.

Por possuir sintomas semelhantes a gripes e resfriados, é comum que as pessoas confundam o coronavírus com uma gripe comum. Mas afinal, qual é a principal diferença entre COVID-19 e as gripes?

No coronavírus, raramente os pacientes sofrem com espirros e nariz entupido – sintomas altamente comuns em gripes e resfriados. No entanto, as dores de cabeça e a febre alta costumam ficar mais alarmantes do que em outras síndromes.

Assim, os principais sintomas do coronavírus incluem:

  • Febre;
  • Tosse (principalmente seca);
  • Cansaço;
  • E dificuldades respiratórias – incluindo falta de oxigênio e respiração curta.

Em alguns pacientes, outros sinais também podem estar presentes, como a coriza e dores corporais. E como os sintomas são muitos similares à gripes e resfriados, são necessário exames complementares e diagnóstico especializado para confirmar os casos.

Qual é a relação entre COVID-19 e pneumonia?

Grande parte dos pacientes infectados com coronavírus apresentam outros sintomas além da febre e da tosse.

Um dos mais comuns e mais graves têm sido a pneumonia. Essa infecção se instala nos pulmões e provoca dificuldades para respirar. Portanto, é comum que os tratamentos para o coronavírus visem tratar a pneumonia (bem como outras problemáticas no sistema respiratório) e minimizar os sintomas gerais – que incluem febre, tosse e dores corporais.

Como se prevenir do novo coronavírus?

Uma das melhoras estratégias para se manter saudável em meio ao preocupante cenário mundial ainda é a prevenção!

Estudos comprovam que as doenças respiratórias (sejam elas pneumonias, gripes ou coronavírus) costumam surgir com mais facilidade em indivíduos que estão com o sistema imunológico enfraquecido.

Por isso, focar em estratégias para aumentar a imunidade do sistema respiratório são uma das chaves para se manter prevenido – seja contra o COVID-19 ou gripes e resfriados.

Confira as dicas para prevenção do COVID-19 e outras formas de gripe:

 

  1. Vacine-se!

Você sabia que o governo brasileiro indicou a vacinação contra a gripe após a confirmação dos casos de coronavírus no país?

Essa medida visa deixar o sistema imunológico mais protegido contra cepas virais que causam a gripe. O principal objetivo, além de proteger o paciente, é contribuir para o diagnóstico em casos suspeitos de coronavírus.

Como a infecção por coronavírus é mais comum em pessoas enfraquecidas ou que já carregam outras infecções corporais, nada melhor do que estar com a imunidade em dia e evitar complicações ainda maiores. Portanto, não deixe de tomar a vacina para a gripe neste ano de 2020, protegendo toda a sua saúde!

 

  1. Mantenha os cuidados com a higiene

Lavar as mãos e usar desinfetantes (como álcool em gel) são uma das principais recomendações de higiene para se prevenir da gripe e das novas formas de coronavírus.

Para a lavagem diária, é possível usar água e sabonete neutro, caprichando na higienização.

A limpeza de objetos e superfícies que são frequentemente manuseados também é altamente recomendada, evitando a propagação de gotículas que podem carregar o vírus.

Outras recomendações envolvem:

  • Jamais tocar os olhos, boca e nariz antes de lavar as mãos;
  • E procurar cobrir nariz e boca ao tossir ou espirrar, evitando a liberação de partículas que possam conter o vírus.

 

  1. Fique longe de pessoas doentes

Outra dica essencial é evitar o contato com pessoas doentes – mesmo que se trate de uma simples gripe.

Ficar com o sistema imunológico protegido é uma das melhores formas de prevenção, lembra? Então, nada melhor do que evitar problemas! Caso você também esteja sofrendo com alguma doença, o recomendado é ficar em casa até que a situação melhore.

 

  1. Capriche na alimentação

Não é segredo para ninguém que a alimentação é capaz de fazer verdadeiros milagres. E quanto o assunto é fortalecer o sistema imune, ela se apresenta como um fator crucial!

Neste momento, não é hora de fazer dietas muito restritivas!

Quanto maior for o seu consumo de frutas e vegetais, melhor! Contar com a suplementação de vitaminas caso esteja com alguma deficiência nutricional também é uma atitude bem vinda!

Alimentos chave para te ajudar a se prevenir do coronavírus e da gripe incluem:

  • Vegetais verde escuros;
  • Frutas vermelhas;
  • Alho, cebola, gengibre e cúrcuma;
  • Castanhas;
  • Acerola e laranja.

 

  1. Tenha hábitos de vida saudáveis

Quanto mais o tempo passa, mais temos noção da influência de nossos hábitos sobre nossa saúde e qualidade de vida. E quanto o assunto são infecções virais, o tema não poderia ser diferente!

Ter hábitos de vidas saudáveis mantém o mecanismo de defesa natural do organismo em pleno funcionamento, melhorando a imunidade de todo o sistema.

Portanto, nada melhor do que seguir algumas dicas de ouro para alavancar sua imunidade:

  • Tenha boas noites de sono;
  • Evite o estresse excessivo;
  • Deixe o excesso de bebidas alcóolicas de lado;
  • E tome muita água!

Com essas medidas, é possível garantir mais saúde e evitar a contaminação – seja por uma gripe comum ou pelo temido coronavírus.

Ainda com dúvidas?

Depois de conferir as principais diferenças entre uma simples gripe, uma pneumonia e o coronavírus, nada melhor do que se manter informado e seguir as dicas de prevenção que trouxemos no artigo de hoje.

Lembre-se que a imunização contra a gripe é uma excelente maneira de evitar preocupações maiores, mantendo o sistema imunológico 100% em dia.

Que tal conversar com os profissionais da clínica sobre os benefícios que a vacina contra a gripe pode lhe trazer? Deixe sua mensagem, estaremos felizes em atendê-lo!

Você pode gostar

Crianças na quarentena: o que fazer e quais são os cuidados necessários?

Quarentena COVID-19: 5 dicas para cuidar da sua saúde mental

Coronavírus: quais cuidados são necessários dentro de casa?

Protocolo de Segurança da Clínica em meio à Pandemia de COVID-19

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *