Entenda mais sobre a vacina Meningo B e para quem ela é indicada.

Saiba tudo sobre a vacina Meningo B e porque é importante tomá-la.  A vacina meningocócica B é essencial para prevenir doenças causadas pela bactéria Meningococo tipo B, tais quais meningites e infecções generalizadas.

O que é a vacina Meningocócica B?

A vacina meningocócica B é essencial para prevenir doenças causadas pela bactéria Meningococo tipo B, tais quais meningites e infecções generalizadas. 

Tais condições podem ser extremamente perigosas para a saúde, pois se trata de infecções nas membranas que são responsáveis por recobrir o cérebro – o órgão mais importante de todo o nosso organismo. Quando atinge a corrente sanguínea, o quadro pode ficar ainda mais preocupante.

Segundo dados do Centro de Prevenção e Controle de Doenças dos Estados Unidos (CDC), 1 a cada 10 pessoas podem ser portadoras do Meningococo – mesmo que não saibam e sejam assintomáticas. A bactéria pode ser transmitida por saliva ou secreções respiratórias, fazendo, então, com que o contágio não seja assim tão raro. 

Como a vacina é a principal forma de prevenção para a temida bactéria, é importantíssimo manter o esquema de vacinação Meningo B em dia para viver uma vida com saúde e se proteger das doenças que podem ser causadas pelo organismo. 

A vacina meningocócica é altamente recomendada por órgãos brasileiros renomados. Os principais deles são a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) e a Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm). Entendendo a importância, a Proteger Vacinas conta com a vacina Meningo B para trazer proteção para seus parceiros e clientes. 

Se tiver dúvidas sobre a necessidade de vacinação, não se preocupe! Você pode comparecer diretamente em uma das Unidades da Proteger Vacinas ou entrar em contato direto conosco pelo telefone (48) 3086-7100. 

– Entenda as diferenças entre meningites virais e bacterianas. 

Como funciona a vacina?

A vacina Meningo B se trata de uma injeção intramuscular (que vai diretamente no músculo). 

Ela é uma vacina inativada formada por componentes únicos. Tais compostos geram anticorpos para manter o corpo protegido contra o Meningococo B. Assim, acabam prevenindo a meningite através de uma resposta imune saudável.   

Para conferir como funcionam as principais vacinas, não deixe de acompanhar o nosso blog. Estamos sempre postando curiosidades e informações úteis para manter o seu bem-estar e saúde em dia. 

Esta vacina é necessária?

Certamente, vale a pena garantir as doses da vacina Meningo B, mantendo-se protegido de uma doença tão preocupante. Afinal, a vacinação é a melhor saída para evitar os riscos de desenvolver meningite.  

Embora a vacina para a meningite C seja oferecida gratuitamente em postos de saúde do governo, a Meningo B não é fornecida pela rede pública – sendo, assim, encontrada somente em clínicas particulares.

Infelizmente, estima-se que até 20% dos pacientes podem morrer ao contrair a bactéria. Então, vale a pena garantir a vacina Meningo B até os 50 anos de idade. 

Ainda, para entender mais sobre a importância das vacinas contra a meningite, não deixe de conferir esse material exclusivo que preparamos para te manter informado

Quem pode ser vacinado?

A vacina Meningo B pode ser aplicada em:

  • Adolescentes;
  • Crianças;
  • Adultos até os 50 anos de idade;
  • Viajantes que pretendem ir à destinos onde há maior risco da doença;
  • Pessoas que possuam maior risco epidemiológico para a doença meningocócica. 

Visto que determinadas condições de saúde podem aumentar o risco para a doença meningocócica, a vacinação é também recomendada para algumas pessoas até os 50 anos de idade. 

Então, pacientes com imunidade baixa, mal funcionamento do baço ou em tratamentos imunossupressores devem se preocupar ainda mais com a vacinação, garantindo saúde e prevenção contra o Meningococo. 

Em algumas regiões do mundo há um maior risco de transmissão do organismo vivo. Por isso, recomenda-se a vacinação sobretudo para viajantes que vão até a África. 

O esquema de vacinação ou doses ocorre da seguinte maneira:

  • Crianças devem tomar duas doses: a primeira entre os 3-5 meses e o reforço dos 12-15 meses de idade;
  • Adolescentes que nunca foram vacinados devem tomar duas doses (tendo intervalo de um mês entre cada uma delas). 
  • O mesmo esquema de vacinação de adolescentes deve ser seguido para adultos até os 50 anos de idade, sendo indicado conforme suas necessidades e risco epidemiológico. 

Algumas diferenças podem ocorrer devido ao calendário pessoal de vacinação de cada pessoa. Se tiver com dúvidas sobre isso, tire-as na Proteger Vacinas. 

– Dicas sobre imunização: quando devemos ser vacinados?

Quais são os efeitos colaterais mais comuns? 

Cerca de 5% das crianças que tomam a vacina podem apresentar febre e dor no local de aplicação. Confira os efeitos colaterais mais comuns da vacina Meningo B por idade:

  • Efeitos colaterais em bebês (crianças menores de 2 anos de idade):

10% das crianças pequenas podem ter febre nas primeiras 24-48 horas após a vacina. No entanto, quando é combinada com algumas vacinas, essa chance pode chegar até 79%. Por isso, recomenda-se administrá-la separadamente ou se informar sobre as possíveis combinações antes mesmo de realizá-la. Confira a dica extra no fim deste tópico. 

  • Efeitos adversos em crianças até 10 anos:

10% delas podem apresentar sonolência, choro, perda de apetite, vômitos, diarreia, dores ou sensibilidade no local, erupções de pele e irritabilidade. 

  • Efeitos acima dos 11 anos:

Mais de 10% podem sofrer com cefaleia, dor muscular e articular intensa, náusea, mal-estar e reações no local aplicado. 

Dica extra: para evitar ainda mais efeitos secundários, evite aplicar a vacina Meningo B em conjunto com doses para a prevenção de:

  • Haemophilus influenzae do tipo B;
  • Hepatite B;
  • Poliomielite;
  • Pneumocócica conjugada;
  • Tríplice bacteriana.

Dúvidas sobre vacinação?

A vacina Meningo B é muito importante para prevenir o desenvolvimento de um tipo de meningite (causada pelo Meningoco B). Então, a vacina é recomendada para pessoas até 50 anos que ainda não garantiram a sua prevenção (ou que precisam reforçar doses tomadas previamente). 

No artigo de hoje, você viu como funciona a vacina Meningo B e para quem ela é indicada. Mas caso ainda tenha dúvidas, não se preocupe! Nós da Proteger Vacinas estamos aqui para ajudá-lo.

Contamos com a vacina Meningo B e temos uma equipe dedicada e especializada para fornecer o melhor atendimento em vacinas de toda a região. Entre em contato conosco por WhatsApp e solucione todas as suas questões.

Você pode gostar

A importância das vacinas Pneumo 13 e Pneumo 23

Vacina Pentavalente x Hexavalente: você sabe qual é a diferença entre elas?

Vacine-se em casa: conheça o Atendimento Domiciliar Vacina VIP HOME

Calendário de Vacinação para Gestantes: Entenda Tudo sobre o Assunto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *